domínio público

Domínio público: como utilizar criações de terceiros em suas obras

Você sabia que é possível fazer releituras de livros famosos ou utilizar personagens criados por outras pessoas em suas próprias histórias sem ter que pagar direito autoral? É claro que não é qualquer livro nem qualquer personagem. Para fazer isso sem sofrer nenhum tipo de processo é preciso utilizar apenas obras que já caíram em …

historia

Descubra o que uma história precisa ter para arrebatar o leitor

Você sabe qual a diferença entre uma história que se torna memorável e uma que é facilmente esquecida? A história que se torna memorável traz os elementos capazes de fisgar o leitor, emocioná-lo, fazê-lo tornar pelo protagonista e não querer largar mais o livro. Faz, inclusive, com que ele sinta saudades de tudo aquilo depois …

Um cachorro para Maya

Um cachorro para Maya ganha reedição

A editora carioca Lago de Histórias reedita o clássico da literatura infantojuvenill Um cachorro para Maya, de Roseana Murray. A sessão de autógrafos, que acontecerá neste sábado, dia 15 de dezembro, na Casa Cultural Lago de Histórias, na Urca, a partir de 16h, terá música ao vivo para adultos e oficina de dobraduras para crianças. …

3 razões por que não consegue terminar de escrever um livro

3 razões por que você não consegue terminar de escrever um livro

Finalmente o ano começou, não é mesmo? Temos uma tendência à procrastinação, então qualquer motivo é motivo para adiar colocarmos em prática nossos objetivos. Mas passado o carnaval, acabaram-se as desculpas. Se você começou e não consegue terminar de escrever um livro, leia esse post até o fim e descubra o que está impedindo que …

história não é o que você pensa

História não é o que você pensa que é

Eu costumo realizar várias leituras críticas todo mês e, na maioria das vezes, os originais que precisam ser reformulados apresentam um mesmo problema: não têm história. Como assim, você deve estar pensando. Não basta colocar um fato após o outro e daí teremos uma história? Não, e é aí que reside a grande confusão. Uma …

Edgar Allan Poe conto

Edgar Allan Poe: medo clássico e a teoria do conto

Aproveitando que entramos no mês de outubro, mês que no mundo inteiro cada vez mais vem sendo dedicado à literatura de terror, vou falar hoje sobre um precursor do gênero. Recebi da DarkSide Books a edição caprichadíssima do livro Edgar Allan Poe: medo clássico, volume 1. A obra veio acompanhada de alguns presentes temáticos, como …

Prólogo: ter ou não ter, eis a questão

Você já deve ter lido ou ouvido por aí uma discussão sobre a necessidade, ou não, do prólogo em uma história. Há os defensores ferrenhos de que o prólogo mais atrapalha do que ajuda a narrativa, já há outros que acreditam que um prólogo bem escrito pode ajudar a envolver o leitor. E você, tem …

Harry Potter 20 anos depois

Harry Potter 20 anos depois: o segredo do sucesso

No próximo dia 26 de junho serão comemorados os 20 anos do lançamento do livro Harry Potter e a pedra filosofal, o primeiro da saga literária criada por J.K. Rowling e traduzida para mais de 70 idiomas ao redor do mundo. Os livros da série costumam dividir opiniões: há quem ame e há quem odeie. …

Regra de Três

Regra de Três: como usar esse recurso em narrativas

Calma, você não caiu por engano em um blog matemático. Aqui é o Conexão Autor e a Regra de Três sobre a qual vou falar é um recurso literário muito utilizado não só em narrativas atuais como nos mitos de origem, lendas e contos de fadas. A ideia por trás desse recurso é o uso …

herói Batman

Da inocência à maturidade do herói: o caso Lego Batman

Desde as narrativas antigas até os mais modernos filmes de super-heróis, histórias utilizam-se de uma infinidade de temas e formas para emprestar significado à experiência humana através dos tempos e das culturas – é o que aprendemos com Joseph Campbell, escritor e pesquisador da área de mitologia. Histórias bem construídas mostram a jornada do herói …

História que demora a começar

História que demora a começar: evite esse problema

Você já leu algum livro que, passadas algumas páginas, ainda não sabia nada sobre a história e seus personagens? Isso é mais comum do que se imagina: uma história que demora a começar. E isso é fatal para o leitor, que, sentindo-se desmotivado, sem nada que o prenda àquele texto, não tardará a largar o …

personagens envolventes

Personagens: por que e como torná-los envolventes

Histórias são sobre personagens. São eles que cativam o leitor, que o motivam a continuar a leitura. O leitor segue lendo porque quer saber o que acontece com eles ao final. Para isso, o protagonista precisa ser confrontado com algo adverso, alguma pessoa ou situação que o coloque em risco (seja material ou emocional).   …

Terror: conheça seus subgêneros

Terror: conheça seus subgêneros

Dia 31 de outubro, Halloween. Inexplicavelmente, ou não, a simples menção da data desperta aquela vontade de ver um filme de terror ou ler um livro do mesmo gênero. E se, de repente, der aquele desejo de também escrever um livro de terror? Parece simples: é só incluir montros, zumbis, sangue, muitos gritos e… mas …

mostre não conte

Mostre, não conte: a técnica que vai mudar a sua história

Em literatura há uma máxima que diz “Mostre, não conte”, em inglês “Show, don’t tell”. Mas o que isso significa? Essa máxima traduz uma técnica literária muito utilizada por grandes escritores mas que, às vezes, acaba passando despercebida por outros tantos. O objetivo dssa técnica é tornar o texto mais dinâmico e provocar um envolvimento …