fbpx

Anete, nariz de chiclete: lançamento.

Um novo livro que nasce e ganha o mundo é como um novo filho, para o qual desejamos uma longa e próspera vida. Depois de um longo tempo escrevendo, amadurecendo o texto, submetendo-o à editora, entrando na fase de produção: finalmente ele está pronto. A partir daí, não pertence mais ao autor. Cada leitor toma posse dele à sua maneira, e essa é uma das magias da literatura. No próximo domingo, dia 08 de dezembro, às 16 horas, estarei lançando ao mundo um novo filho, ou melhor, filha: Anete, nariz de chiclete. O lançamento será na livraria Sabor Literário, no Leblon (Rua Conde de Bernadote, 26) e quem estiver no Rio de Janeiro e quiser aparecer por lá, será um prazer. Conheça abaixo um pouco mais sobre a obra e informações sobre o lançamento.

Quem é Anete, nariz de chiclete?

Há muitas formas de se começar a escrever um livro: a partir de uma ideia que temos ao observar pessoas e acontecimentos ao nosso redor, de um sentimento ou sensação e, até mesmo, a partir de um título. Pois foi isso que aconteceu com Anete, nariz de chiclete. Normalmente escolho os títulos de meus livros depois de já haver pelo menos um parte do texto escrita, justamente por já poder sentir o clima e para onde a história caminha. Com esse, no entanto, foi diferente. Estava envolvida com um outro texto, um livro juvenil, quando ouvi em algum lugar o nome Anete. Imediatamente a rima veio à cabeça: nariz de chiclete. É comum palavras trazerem outras, ou mesmo frases, a reboque, numa associação de ideias particular às referências e experiências de cada um. No entanto, a rima de Anete ficou grudada em minha cabeça tal qual chiclete. Não tive outra opção a não ser criar uma história para esse título.

LEIA  [Resenha] As lições do Titanic

Capa de Anete, nariz de chiclete

E à medida que a história crescia, tal qual a bola de chiclete de Anete, eu ia me apaixonando mais e mais por essa menina sonhadora que encontra um amigo muito diferente e com ele vai descobrir o mundo – também de um jeito bem diferente. Assim como meu livro infantil anterior, O dono da Lua, essa é uma história para soltar a imaginação, romper os limites e acreditar que não existe impossível. E que os prazeres podem estar nas pequenas coisas, como uma bola de chiclete que estoura no nariz.

ilustração de Anete, nariz de chiclete
Ilustração de Bruna Assis Brasil para o livro

Há muito tempo sou fâ do trabalho da ilustradora Bruna Assis Brasil e, quando terminei o texto e chegou a hora de pensar nas ilustrações, achei que Anete tinha tudo a ver com o traço lúdico e encantador de Bruna. A editora concordou e eis que minha personagem se tornou uma simpática ruivinha com um adorável ar sonhador.

ilustração para Anete, nariz de chiclete
Ilustração de Bruna Assis Brasil para o livro

Pois chegou o momento de compartilhar Anete com os amigos e fâs de literatura infantil de Fantasia. O lançamento será numa simpática livraria que tem um espaço totalmente dedicado aos pequenos leitores. Portanto, se você estiver na cidade do Rio de Janeiro nesse final de semana, venha conhecer Anete, me conhecer, conhecer pessoas que ainda se encantam com os pequenos prazeres e levar para casa um bocado da adorável imaginação das histórias infantis.

Anete, nariz de chiclete
Lançamento: 08/12/2013 – domingo
Horário: 16 horas
Local: Livraria Sabor Literário (Rua Conde de Bernadote, 26, Leblon, Rio de Janeiro)

 Anete e eu te esperamos lá!

ilustração de Anete, nariz de chiclete
Ilustração de Bruna Assis Brasil para o livro
Anete, nariz de chiclete: lançamento

Escritora, crítica literária, jornalista e professora universitária. Trabalha com criação de textos e preparação de originais. Desenvolve cursos e palestras na área de Criação Literária e Escrita Criativa.

LEIA  5 livros infantis obscuros de escritores conhecidos
Classificado como:                

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recomendado
Planeje sua carreira para 2014. Já estamos em dezembro e…
error: